quarta-feira, 11 de maio de 2011

Complicado...Momento Desabafo

Oi pessoas...

Meu humor ultimamente anda péssimo!

Tenho que me policiar pra não sair engolindo ninguém...

Não é só questão de estresse no trabalho... As coisas por lá estão meio puxadas mas acredito que estou dando conta, na medida do possível e de acordo com o que consigo e minha limitação não impede.

Mas caramba!

Quando eu chego em casa, ora tenho apartar o marido e o filho de 2 anos e meio que na moral da história, parecem duas crianças brigando por besteira... Aí junta a incompreensão de alguns e você acaba perdendo de vez a paciência.

Hoje eu cheguei no residencial chateada porque simplesmente cheguei em casa.

Respiro fundo e esboço um sorriso porque meu bebê de 2 anos é minha alegria e é irresistível chegar e ele vir me cumprimentar dizendo: "Mamãe, mamãe?! Oi!! Sadadi" E me agarra dando um abraço e se esforçando para me dar um beijo, ele fica pedindo repetidamente: "senta mamãe na cadêla (cadeira de rodas), dá bêjo! Sadadi" -- Ow gente... É recompensador e confortante.

Mas reconhecidamente, eu estou muito estressada com as coisas que estão acontecendo em casa com meu digníssimo. E as coisas estão se acumulando, os sentimentos estão travados e estou em tempo de explodir.

Às vezes, eu me assusto com meu próprio comportamento, mas percebo que é algo que não dá pra controlar, por mais que eu tente. O cara dá muita ratada, "não dá uma dentro"... E minha tolerância tá na sola do sapato... ¬¬

Mas é como a mensagem aê ao lado diz... Cabe a nós sabermos lidar com o tempo... =/

E sabe o que é o pior?

Eu sinto muita falta do homem por quem me apaixonei, pelo homem que uma vez eu disse pra mim mesma no espelho: "É com ele que vou me casar e ter filhos... Ah, se vou!" E lutei, lutei muito para conseguir ser feliz e também poder casar e ter nossa vida e independência.

É reconhecidamente saber que estou reclamando de barriga cheia. Literalmente! Não sei se é estresse pré-parto, sei lá que é que é isso... Só sei que por mais que eu me policie para evitar, não consigo.