sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Quem é você? O que você responderia?

Oi gente.

Já passaram por essa situação alguma vez na vida? De ver uma pessoa questionar a outra sobre você e ter uma visão como se estivesse fora de seu próprio corpo para acompanhar o que falaram ao teu respeito? Meio complicado entender mas basicamente foi isso o que me aconteceu...

A primeira pessoa chegou para a outra e perguntou quem eu era. E a outra respondeu que eu era uma mulher casada, com filhos, que nasceu...deficiente (sendo generosa comigo mesmo). E que eu era de dar dó.

Tô até agora querendo traduzir esse "de dar dó" mas não saiu muita coisa ainda. Eu tô longe de ser um modelo de perfeição, mas de dar dó? Cheguei até a perguntar as pessoas que considero o que elas pensam mas como sempre, ninguém responde sinceramente. Tentam se sair... O que é de lascar, mas deixa quieto... Colocar as pessoas na parede também não é algo legal de se fazer, né?

Se eu não fosse a Izabele, e alguém me perguntasse quem era a Izabele, eu diria que é uma baixinha muito na dela. Que se envergonha fácil com tudo, que é tímida... Mas ao mesmo tempo fala muita besteira só pra fazer os outros rirem... que às vezes tem umas crises depressivas, que às vezes some do mapa... Diria que é uma mulher que nasceu com deficiência, e anda com aparelhos e bengalas e às vezes fica na cadeira de rodas.

Diria que é uma pessoa que busca ao máximo fazer tudo que qualquer pessoa possa fazer mas é bem consciente de como todos olham para ela. Que você pode viver em paz perto dela contanto que não a desagrade ferindo os direitos dela.

Bom... Que é que custa dizer o que realmente pensa ao nosso respeito? Por que e pra quê ser evasivo assim? De dar dó... Isso pode significar inúmeras coisas.

E então... Quem é você? O que você responderia?