domingo, 4 de dezembro de 2016

Lá vem o Natal...

Oi pessoas,

Seguindo recomendações, vamos continuar compartilhando momentos, botando pra fora o que vem do coração e limpar a alma...
 
Apesar de saber que a partir do final de novembro é que deveríamos preparar nossa casa para o Natal, eu me adiantei com a família devido o aniversário do Rehael (caramba, 8 anos... Como o tempo passa rápido) e parece que eu estava adivinhando porque logo depois bati no hospital por decorrência - ainda - de infecção...

Mas continuemos com o tratamento, que tudo dará certo.

No ano passado, botei na cabeça que minha casa teria uma árvore de Natal, que teríamos a tradição de montá-la e relembrar tanto histórias bíblicas como momentos da minha infância e do Daniel para as crianças (eles amam nos ouvir) -- Daí que nesse período, no ano passado, o Floquinho entrou em nossas vidas e ciente que cachorros normalmente não são fãs de árvores e pisca-pisca, então bora pro plano B. 

Mas vai ter árvore, tradição e conversas divertidas sim!

Comecei fazendo algo simples para me inspirar e fiz esse enfeite para a porta com laços de fita de tecido e aquelas típicas que usam para enfeitar presentes... Os demais enfeites eram pecinhas quebradas que minha mãe tinha da árvore dela e não queria mais... Eu as colei e juntei ficando fofinhas assim. ^^ E tenho muito orgulho pelo o que eu fiz, tá? ¬¬


Voltando para minha árvore caseira...

Pesquisei na internet e encontrei imagens variadas de árvores para montar na parede, feitas com galhos de árvore, com livros, com CDs, apenas com os pisca-piscas... 

Material de enfeite, eu até já tinha, mas queria mesmo fazer a dos galhos. Achei rústico, diferente, original e lindo! Então, coloquei todo mundo pra trabalhar. 

Felizmente nesse período sempre ocorre a poda das árvores do residencial. Material de sobra pra fazer a árvore! Em seguida, selecionei e com a ajuda do Daniel fui montando de acordo com o tamanho pra garantir o formato triangular.

Este ano, além dela quis incluir mais um ornamento. Optei por fazer um "boneco de neve" com copos plásticos. Achei realmente que seria complicado mas não foi. 

Basicamente, tudo o que você precisa é de um grampeador abastecido e copos...muitos copos descartáveis. O restante do material que utilizei foi tinta, uma sacola preta de papelão (daquelas de loja, sabe?) e um calendário antigo. Da sacola, fiz os olhos, botões e parte da cartola. O restante da cartola foi feita com o calendário antigo e tinta preta.



E o resultado foi esse. Peguei um lençol laranja que raramente usamos e virou o cachecol do boneco. Dentro dele, coloquei aquelas lâmpadas que ficam acesas quando falta energia, sabe qual é?

E a diversão foi imensa pra montar a casa e rapidinho, menos do que esperávamos, já estava tudo pronto. E achei linda, o ar da casa ficou mais harmonioso... Achei um mimo. E claro que chamou atenção de todos que passavam em frente à minha porta.



Cá está o vídeo que me inspirou fazer meu próprio bonequinho de Natal... Acho que próximo ano farei uma lareira... ツ É, meu fi... YouTube tem de tudo e mais um bocado...



Independente de sua condição financeira atual, olhe ao seu redor e perceba que você pode reaproveitar muita coisa e fazer algo bacana com sua família. Quando criança, só lembro que não podia pegar em nenhuma bola da árvore de Natal, nem tocar em nada porque poderia quebrar e eu me cortaria.

Da forma que fizemos, todos sempre participam e é uma festa que ficará pra sempre na lembrança deles. E espero que essa tradição perdure por muitas gerações.

Próxima postagem, será sobre a mesopotâmica missão de malhar em academia fora do SARAH! Temos novidades chegando por aí... ツ